Sabonete Esfoliante Feira Carioca – Nº 21

Oi, Gente!!

Há cerca de 15 dias ganhei um concurso de dia das mães da Drogasmil (www.drogasmil.com.br). O concurso foi realizado no Instagram, onde para participar bastava enviar fotos suas com sua mãe, usando a #maenotamil. Eu tava louca pelos produtos da Nº 21, marca exclusiva da Drogasmil e Farmalife, de produtos como maquiagens, sabonetes, cremes corporais, dentre outros. Então não pensei 2 vezes e concorri com 2 fotinhos, e a foto ganhadora foi essa aqui abaixo. 🙂
foto concurso
Eu, 2 dias antes, tinha comprado um sabonete esfoliante da marca, sem saber que eu seria a ganhadora do concurso. Mas, dentre muitos produtos que ganhei, não tinha esse sabonetes de frutas vermelhas, mas tinha o mesmo em outros 2 aromas. Mas, antes de falar sobre os sabonetes e vocês me perguntarem o que ganhei no concurso, vou colocar a foto aqui abaixo para vocês verem e entenderem porque eu fiquei mega feliz…rsrs
mochila numero 21
Eu adoro demais sabonetes e não é à toa que eu tenho uma marca de sabonetes artesanais, a Sapone (@sapone_sabonetes), onde eu mesma produzo sabonetes em barra e líquido, todos antialérgicos.

Numa ida à Drogasmil, comprei o sabonete esfoliante da linha “Feira Carioca” da Nº 21. Ele tem em 3 aromas: frutas vermelhas, frutas amarelas e frutas verdes. Fiquei na dúvida pois todos me atraíram, mas optei pelo de frutas vermelhas porque adoro quase tudo feito com essas frutas.
sabonetes esfoliantes numero 21
Comecei a usar e adorei. O cheiro é mega bom e o consistência bem grossinha e espalha muito bem na pele. Senti uma sensação de reflorescência na pele e deicou um toque aveludado. Eu uso qualquer sabonete esfoliante com esponja de banho pois acho que espalha melhor e dá um melhor efeito. O de frutas amarelas e frutas verdes ainda não usei e não sei o cheiro, mas acredito que devem ser tão cheirosos quanto.

Apenas como info, para quem não sabe ou nunca usou, sabonetes esfoliantes são feitos com microesferas esfoliantes que tem como função retirar as impurezas e o excesso de células mortas da pele, promovendo uma limpeza mais profunda, resultando assim numa pele mais macia e limpa.

Quem já tiver usado os aromas que ainda não testei, me conta o que achou. Quero saber se curtiram tanto quanto eu. 😉

Beijoss

Chinelos CleanUp

Oi, Meninas!!

Hoje eu vou falar sobre um chinelo que vi vendendo numa loja do Centro do RJ e que me deixou bem curiosa. Se tratava de um chinelo feito de um material que parece aqueles tapetes de portaria sabe, e que a marca promete massagear, esfoliar e descansar os pés. Mas, acabei não comprando o produto pois infelizmente meu bolso hoje em dia não me permite extravagâncias.

Uns dias depois, ainda com o tal chinelo na cabeça, entrei em contato com a marca CleanUp para saber um pouquinho mais sobre o produto. Falei sobre a minha curiosidade e disse que prezo muito o conforto dos pés, pois além de ter um calo na planta do pé, rompi também os ligamentos dos 2 tornozelos. Para minha surpresa, a empresa me disse que me enviaria um par para eu testar, Fiquei muuuiiito feliz!! E foi meu 1º recebido pelo blog. Obrigada CleanUp (cleanupprodutos.com.br)!
chinelos clean up
Recebi o produto e testei por 1 semana antes de dar o feedback para a empresa. No 1º dia estranhei um pouco pois a superfície é diferente da que eu estou acostumada a pisar. Mas, nos dias seguintes já estava achando uma delícia. Muito confortável e relaxante. A sensação é de estar calçando pantufas (mas sem esquentar os dedos… rsrs).
selfeet clean up
Pelo solado ser no mesmo material da parte superior, a marca recomenda o uso em ambientes internos, ou seja, dentro de casa, para evitar o acúmulo de sujeiras. O solado também, por ser mais poroso que os demais calçados, se torna 30% mais seguro e antiderrapante, com isso pode ser usado em ambientes molhados com mais segurança.
solado clean up
A limpeza, conforme instruções da marca, é feita apenas com água e sabão. Testei limpar e realmente foi muito simples, mas além de água e sabão usei uma escovinha dessas de limpeza mesmo.

Eu recomendo o uso e tô adorando ter um par para chamar de meu. Além disso, tem uma grande variedade de cores.

A venda é feita pelo site da marca (citado acima) e numa loja própria no Balneário Camburiú (SC). Aqui no RJ vi vendendo apenas numa loja no Saara, no Centro.

Preço médio – R$45,00

Beijoss

Minha 1ª Gluten Free Box

Oi, Gente!!

Eu não tenho nenhum tipo de restrição alimentar, graças a Deus!! Mas conheço muitas pessoas que tem e outras que como eu não tem, consomem produtos gluten free, lactose free, sugar free (esse eu conheço alguns por conta da minha mãe ser diabética há mais de 20 anos) e garantem ser super saborosos.

Pois bem, eu gosto muito de atividades físicas diversas e alimentação saudável (mas também adoro gordices!!) e me interessei pela “Gluten Free Box” (www.glutenfreebox.com.br). Pra quem não conhece, é um serviço de assinatura de produtos glúten free e/ou lactose free. A cada mês o assinante recebe em casa uma caixa com vários produtos para testar

Box de abril
Box de abril

A assinatura pode ser mensal e trimestral. E existem 3 tipos de caixas: box (que vem de 9 a 11 produtos), a superbox ( de 14 a 16 produtos) e a snackbox. Todas vem com itens de qualidade e diversificados, podendo ser snacks, mix para bolos e pizzas, bebidas e massas.

Nesse mês de abril recebi minha 1ª caixa e fiquei muito satisfeita. Olhem os produtos que recebei:
produtos gluten free
Ainda não testei todos, mas aos poucos vou dando o feedback de cada um deles no Instagram e Facebook.

Outra coisa que gostei muito foi a agilidade na entrega, pois fiz o pedido numa 4ª feira e recebi na 6ª feira seguinte (2 dias depois). E, o atendimento é excelente!! Antes de fechar a compra mandei alguns e-mails e tive um retorno rápido, simpático e carinhoso.

Gluten Free Box, virei fã de vocês.

Bjss

Eu Sou do CBBlogers

Aprendendo o valor do amor próprio

Hoje meu post não é uma resenha e nem falando a respeito de algum tipo de programa bacana, é um desabafo pessoal e algo que vejo que muitas mulheres passam hoje em dia. É sobre amor próprio, sobre auto-estima, sobre em como nos aceitarmos exatamente como somos.
soumeuamormaior
Bem, hoje tenho 37 anos e desde minha adolescência vivo brigando com o espelho (sim espelho e não balança). Até em épocas em que estive mega magra minha baixo estive às vezes vinha à tona.

Desde que me entendo por gente, cada época um padrão de beleza é estabelecido e as capas de revistas e tv estão sempre nos mostrando e impondo isso de alguma forma. E ai de quem não se enquadre nesse padrão. Coitada, senta e chora, pq será vista como fora dos padrões. Não importa se a moda da época se refere ao corpo, cabelos ou estilo de vida, se você não se enquadra…vira ET.

Nos últimos anos, foi um boom a questão do corpo perfeito, que era nada mais que barriga definida, ou melhor, abdômen negativo, bumbum grande, durinho e virado pra lua, pernas saradas e cabelo longo e liso. Ou então o oposto disso, aquele mulher magérrima, estilo modelo, loura e sem “defeito” algum. Ou seja, nada contra essas mulheres, porque elas são realmente bonitas, mas a maioria das mortais não se encaixa nesse tipo. E, será que todas nós somos esquisitas e feias? Bem, achamos que somos.

Eu sempre tive perna grossa, quadril largo, seios grande e cabelo nem ondulado nem liso escorrido, sempre o meio termo. E inúmeras vezes me senti feia, estranha, gorda obesa e que todos iriam me olhar de forma crítica. Chorei muitas e muitas vezes e em muitas outras sentia vergonha de mim e incapaz.

Enfim, tudo isso que escrevi é pra mostrar que hoje, depois de muitos anos de sofrimento, aprendi a me aceitar e me amar e me respeitar como sou.

Nos últimos 3 anos passei por muitas coisas que me colocaram ainda mais pra baixo. Sofri 2 abortos espontâneos, o que mexe demais com a cabeça de qualquer mulher. Me senti incapaz, feia, menos mulher e por aí vai. Uns meses depois do último aborto, sofri um acidente onde rompi os ligamentos dos 2 tornozelos. Isso mesmo, dos 2!!! Consequência, 1 mês numa cadeira de rodas e usando botas robocop e dependendo de todos pra fazer qualquer coisa, porque nem ir ao banheiro eu conseguia sozinha. depois mais cerca de 8 meses de fisioterapia e sem estar liberada para qualquer tipo de atividade física. Claro que engordei e minha baixo estima só piorou. Eu que sempre fui agitada e me exercitava, estava longe de tudo. Perdi namorado de mais de 8 anos (não por conta disso, até porque ele sempre me apoiou em tudo, mas sim outros motivos que não vem ao caso) e trabalho em que estava há mais de 7 anos.

Pois bem, tudo isso ao mesmo tempo que foi horrível, fez um enorme bem à minha cabeça. Tive que mudar meu jeito de pensar. Vi que a vida tava me mostrando algo. Ou eu mudava ou mudava. Voltei a me exercitar, com isso meu humor e auto estima foram melhorando, pegava sol todos os dias (isso é algo que me faz muito bem, pois além de estar junto à natureza ficava bronzeada) e me esforçava ao máximo pra me dar a chance de sorrir.

Com isso, hoje me amo, me olho no espelho e tenho orgulho de mim mesma, estou um pouquinho acima do peso e ás vezes ainda me critico, mas me sinto bonita, me visto melhor, sempre coloco um batonzinho antes de sair à rua, fiz novos amigos, e passei a sorrir. Me redescobri. Mas confesso, a mudança não foi fácil não, mas foi fundamental.

Passei e ver também que eu não era a única que me sabotava e me auto criticava, mas que mulheres ao redor do mundo fazem as mesmas coisas e como todas sofrem. E vi também que a mídia passou a enxergar isso e a mudar a forma de pensar e de dar valor à um único tipo de beleza. Empresas como a Dove e Lojas Marisa volta e meia lançam campanhas e propagandas em que mostram que real beleza e falam que nós mulheres devemos nos amar como somos, sem tirar nem pôr. Programas da tv à cabo tem muitos programas que auxiliam mulheres a se verem diferentes. Eu nunca tinha visto tantas mulheres começando a assumirem seus cabelos crespos, ou exibindo suas barriguinhas nada saradas, tendo cabelo azul, rosa, ou seja lá o que for. Agradeço mesmo às empresas que estão nessa empreitada do amor e beleza real.

Com isso, resolvi juntar fotos de algumas amigas que se amam como são, que não dão valor às opiniões alheias e que são lindas!! Orgulho de todas elas.
amigas
E tenho orgulho de mim também por ter deixado pra trás o que os outros pensam e ser aquilo que eu sou e que eu quero que eu seja e isso me dá muitas forças pra seguir em frente e acreditar em mim de todas as formas.

Bjss

Removedor de manchas – That Girl

Gente, descobri, ao acaso, um produtinho “milagroso”. Em uma das minhas idas à Drogaria Venâncio (www.venancio.com.br), na boca do caixa tem sempre aqueles produtos de embalagens pequenas que a gente sempre fica tentada a comprar por mais que não precise, tipo balas nas filas das Lojas Americanas, sabe? rsrs. Então, Vi uma embalagem de lencinho removedor de manchas (desses umedecidos) que me chamou atenção por ser prateada e com layout bem mulherzinha. E, como já disse em algum post anterior, embalagens me são muito atraentes, afinal sou estilistas e as coisas visuais me acham muito a atenção.
lenço removedor de manchas
Mas, sem mais enrolação (rsrsrs), é um lenço removedor de manchas da marca “That Girl” (www.thatgirl.com.br), que vem 1 lencinho por embalagem. O produto, conforme promete a marca, remove manchas instantaneamente de maquiagem, vinho, chocolate e café.
embalagem lenço removedor de manchas
Pois bem, nessa semana sujei minha jardineira jeans de batom e que sabemos que é uma macha bem difícil de sair. A Cida (que trabalha aqui em casa há mais de 45 anos), lavou a peça na máquina de lavar e não saiu nada da mancha. Fiquei tensa, né? Imagina eu ficar com a roupa manchada pra sempre. Affff! Daí me lembrei do lencinho de tirar manchas e fui testar. Segui o modo de uso que é bem simples, apenas passar o lenço em cima da mancha e depois tirar o excesso com água e sabão. Fiz isso. Na hora fiquei meio frustada, pois saiu a maior parte, quase que 80% do batom. Deixei secar no varal. Daí, o milagre!!!! Tinha saído tudooo! Olhem as fotos abaixo.
jardineira
Vou dizer que é milagroso mesmo. daquele tipo de produto que a gente compra e deixa dentro da bolsa pra caso haja uma emergência na rua, ou em casa mesmo, num caso como o meu.

Preço médio: R$ 3,50

Bjss

p.s: depois nos contem se testaram e o que acharam